IRS alerta os contribuintes sobre instituições de caridade falsas e golpistas que visam imigrantes

Por Coleman Jackson, Advogado, Conselheiro e CPA
07 de agosto de 2021

IRS alerta os contribuintes sobre instituições de caridade falsas e golpistas que visam imigrantes

O IRS continua a observar os criminosos usando uma variedade de golpes que visam os contribuintes honestos. Em alguns casos, esses golpes enganarão os contribuintes, levando-os a fazer algo ilegal ou que, em última análise, lhes causará prejuízos financeiros. Neste blog, vamos discutir sobre Instituições de caridade falsas e fraude de imigrantes, que fazem parte da lista “Dirty Dozen” de fraudes fiscais em 2021.

Caridades falsas

IRS alerta os contribuintes sobre instituições de caridade falsas e golpistas que visam imigrantes

Os contribuintes devem estar atentos a golpistas que criam organizações falsas para tirar proveito da generosidade do público. Os golpistas se aproveitam de tragédias e desastres.

Golpes solicitando doações para esforços de socorro em desastres são especialmente comuns por telefone. Os contribuintes devem sempre verificar uma instituição de caridade antes de doar e não devem se sentir pressionados a doar imediatamente.

Os contribuintes que doam dinheiro ou bens para uma instituição de caridade podem reivindicar uma dedução em sua declaração de imposto de renda federal reduzindo o valor de sua renda tributável. No entanto, para receber uma dedução, os contribuintes devem doar para uma instituição de caridade qualificada. Para verificar o status de uma instituição de caridade, eles podem usar a  ferramenta de pesquisa de organização isenta de impostos do IRS . Também é importante que os contribuintes se lembrem de que não podem deduzir presentes a pessoas físicas ou a organizações políticas e candidatos.

Aqui estão algumas dicas para ajudar o contribuinte a evitar falsos golpes de caridade:

  • Os indivíduos nunca devem permitir que nenhum interlocutor os pressione. Uma instituição de caridade legítima ficará feliz em receber uma doação a qualquer momento, então não há pressa. Os doadores são incentivados a reservar um tempo para fazer suas próprias pesquisas.
  • Confirme que a caridade é real. Os doadores em potencial devem pedir ao arrecadador de fundos o nome exato da instituição de caridade, o site e o endereço para correspondência, para que possam confirmá-lo mais tarde. Alguns operadores de telemarketing desonestos usam nomes que parecem instituições de caridade conhecidas para confundir as pessoas.
  • Tenha cuidado com a forma como a doação é feita. Os contribuintes não devem trabalhar com instituições de caridade que pedem doações fornecendo números de um cartão-presente ou transferindo dinheiro. Isso é uma farsa. É mais seguro pagar com cartão de crédito ou cheque – e somente depois de pesquisar a instituição de caridade.

Fraude de imigrantes

Imitadores de IRS e outros golpistas costumam usar ameaças e intimidação para grupos-alvo com proficiência limitada em inglês.

O golpe de falsificação de identidade de telefone do IRS continua sendo um golpe comum. É aqui que o contribuinte recebe um telefonema ameaçando pena de prisão, deportação ou revogação da carteira de motorista de alguém que afirma ser da IRS. Os imigrantes recentes costumam ser os mais vulneráveis. As pessoas precisam ignorar essas ameaças e não se envolveremcom os golpistas.

O primeiro contato do contribuinte com o IRS geralmente será por correio, não por telefone. Funcionários legítimos do IRS não ameaçarão revogar licenças ou mandar deportar uma pessoa. Estas são táticas assustadoras.

 

Este blog jurídico é escrito pela Tributário | Litígio | ImigraçãoEscritório de advocacia Coleman Jackson, PC para fins educacionais; não cria uma relação advogado-cliente entre este escritório de advocacia e seu leitor. Você deve consultar o consultor jurídico em sua área geográfica com relação a quaisquer questões jurídicas que afetem você, sua família ou empresa.

Coleman Jackson, PC | Escritório de advocacia especialista em direito tributário, contencioso e de imigração | Inglês (214) 599-0431 | Espanhol (214) 599-0432 | Português (214) 272-3100

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *